Sim, já tinha perdido quase 12kg! grrrr

segunda-feira, 9 de março de 2009

Balanço da Semana...

+ 300 gr.

Depois de na terça-feira ter chegado aos 68.2, patinei e zás… 69 kilos redondinhos, a piscar no visor da minha balança. Bem feita!

Toma lá todos os extrinhas da semana, já que os comeste, carrega-os!

Culpa minha e só minha, claro!

Eu sei que estas 300 gramas não são o fim do mundo, mas são um alerta para mim. Um alerta que tenciono levar muito a sério.
Engordei 15 quilos em três anos, o que dá em média 5 quilos por ano, 400 gramas por mês. Claro que o processo de engorda não foi assim tão linear, mas permite ver que um quilo a mais deve ser levado muito a sério, caso contrário temos uma bola de neve. E recuso-me a levar com outra avalanche de banha!

No sábado comprei umas calças de ganga lindas da Mango, tamanho 42. O 40 até me servia mas ficava muito apertado na cintura, aprendi há muito que para tornar o pneu mais discreto, nada como roupa soltinha na cintura. Fiquei contente porque as últimas que lá tinha comprado eram 44. Estou também mais longe do dia em que nenhum 46 deles me passava nas ancas. Aspectos positivos a que tenho de me agarrar: não admito voltar ao tempo em que entrava nas lojas e nada me servia, ou quando servia, ficava mal. Agora, nas roupas básicas, já não uso os tamanhos maiores de lojas normais, tipo Zara e Mango. Já não é só a alegria de chegar lá e a roupa servir: é a de não usar o maior número disponível. Priceless!

Ontem fiquei todo o dia sozinha e foi óptimo. Quer dizer: com o Diogo! Fizemos de manhã uma caminhada de uma hora e depois fui andar de bicicleta. Ele aproveitou para tentar morder num outro ciclista (o Diogo ODEIA ciclistas com óculos amarelos e capacete! … Vou fazer um seguro antes que eu seja obrigada a pagar alguma indemnização…)
Voltando: depois disso, comi uma sopa leve, cozi uns grelos, grelhei um bife, de sobremesa um fruta. À tarde ainda fui dar outra caminhada, esta de uns 30/40 minutos.
Fiz isto com prazer, sem paranóia de “fazer exercício”, apenas pelo prazer de aproveitar um dia lindo de sol.

Resumindo: tenho, no geral, hábitos saudáveis. Falta-me aprender a manter a boca fechada nos intervalos das refeições…. Mas isso também vou conseguir!
Hoje já estou no bom caminho…. Vamos lá ver como correrá a esta semana!

UPDATE - quanto à diferença entre os valores: peso-me sempre ao domingo de manhã "oficialmente" e a um de Março tinha 68.7. Baixei até aos 68.2 mas depois subi, subi... mas a diferença entre os dois domingos é apenas de 300 gramas. :)))

12 comentários:

ritaemdieta disse...

Olá.

Sou nova nesta coisa dos blogues, mas tenho vontade de seguir o teu.

Ontem, curiosamente, também andei de bicicleta e aproveitei o excelente dia de sol :)

Boa semana!

Rita

Ana Bastos disse...

olá!
como compreendo "essa coisa" dos intrevalos das refeições!!!

força e a voltar aos bons hábitos!
o ficar por casa relamente é um problema p os petisquinho, pelo menos para mim...


boa semana para ti!
bjinhu

Florimari disse...

oi Flor, tudo bem?
68,2 pra 69 sao 800 gramas que numero esta errado?
Espero que os dois e voce ja esteja mais leve...
beijos

Flori

Eu aqui estou a patinar com a atividade fisica, mas chego la!

Beijos

Flori

Amendoinha disse...

Desejo-te uma boa semana!


pssst...pssst: já agora, de 68,2 para 69 kg, vão mais do que 300 g, vão 800 g!
Alguma coisa está errada nos valores que escreveste no post de hoje!

Bjs

Vânia Almeida disse...

Votos para que está semana seja repleta de realizações em sua vida.
abraços

Ale disse...

Papoila... como vc já sabe... o controle nos faz ver aonde estamos... e quanto devemos escavar na nossa avalanche para voltar atrás... ao sabor do vento nem pensar....quem me dera... por enquanto sou assim e tenho que administrar... caderninho e pernas pra que te quero!!!Parabéns pela determinação!! Muita força e um forte abraço p vc.

Denny disse...

Menina, aposto que teu cachorro uma hora acostuma. Qualquer coisa chama o tal Villán, adestrador de cães, rs, rs...

Quanto ao meu post de "Amélia" acho que eu não posso medir você, nem você a mim. Nossos países e realidades são diferentes. Minhas avós não eram burguesas, trabalhava um monte e levavam a vida numa ótima! Uma teve 9 filhs, a outra 2, e ambas estão ótimas para suas idades!

Só aquela de "menos novelinha" que não colou né, porque se há algo que não sou é ignorante.

O que eu acho é que nossas realidades é que são muito diferentes. Aqui neste lado do Brasil (Rio Grande do Sul) temos predominância de colonização alemã a italiana, onde a mulher sempre foi muito respeitada e era tida como a rainha do lar. Trabalhava duro sim, mas tinha seu trabalho reconhecido e muito orgulho de sua participação na vida de todos!

Eu acho absurdo esta idéia de mulher que cuida da casa é parasita, valha-me! Mulher menosprezando trabalho de mulher! Acho que todo trabalho é importante, e que todas temos o direito de escolher. E se meu marido decidir me sustentar? Vou ser piorzinha por isso? Mas não mesmo! Desde quando trabalho é só aquele fora de casa? Não, não.

Infelizmente eu tenho sim que trabalhar, e meu noivo ainda demora a poder me sustentar. Se é que um dia poderá, já que a cada dia se necessita de mais e mais coisas. Queria eu poder ficar em casa fazendo o que minhas avós faziam.

Mas é como eu disse, entre nós o que há é uma questão cultural. Diferenças entre países. E nessas diferenças, o respeito é fundamental.

Quanto ao feminismo, pra mim é o mesmo que machismo. Só muda de lado, ehehehe...

Beijo querida, fica com Deus!


FUIZ...

Juh disse...

bem essas oscilações sao grandes lol

tenho um desafio para ti no meu blog!!!

beijinho grande

Juh

Su disse...

Olá Amiga!

Estive sem escrever no blog por uns tempos, mas mesmo durante esse tempo estive sempre por aqui a ler a tua evolução.

Agora estou de volta! Dá uma passadinha lá no blog: http://disciplinando-me.blogspot.com

Beijão,
Su

Beth disse...

Certamente nÃo vai se abalar por causa de 300g, mas está certa em não deixar que isto fique em branco, para não somarem-se outros tantos gramas aos poucos, a gente já sabe onde pode parar.
Vc é uma vencedora, progrediu muito, transformou bastante a sua forma de pensar e agir e agora vai tirar de letra de novo.
Beijocas e em frente!
Beth
http://aconquista.zip.net

Denny disse...

Eu entendo teu ponto de vista. De verdade. Aqui no Brasil realmente a vida de dona-de-casa é complicada pois as "facilidades" custam muito caro. O salário é cerca de R$480. Uma lavadora de louças não sai por menos de R$829. E por aí segue o baile. Então a gente acaba trabalhando com o "básico do básico". Minha mãe só tem lavadora de roupas, fogão, geladeira e forno elétrico. E eu, que caso final do ano, nem terei tudo isso. Aí por um tempo lava-se as roupas na mão, as louças também (mas isso é comum, nunca usei uma lavadoura de louça ou secadora de roupas, rs), etc e talz.

Mas tudo bem. A gente se vira, já é costume, ehehehehehe...

Beijão!


FUIZ...

Estela disse...

Oi!

Tantas vezes que me pergunto o mesmo...

Tem calma, devagar, devagarinho...lá chegarás!

Que é feito de ti, ó gaija?
Tenho saudades tuas, pah!