Sim, já tinha perdido quase 12kg! grrrr

quarta-feira, 14 de novembro de 2007

Crónica de um descontrole anunciado

Quando iniciei este blog estava decidida a comentar aqui apenas coisas relacionadas com a alimentação. A minha vida privada seria mantida a uma distância saudável. Ultimamente tenho percebido que isso é quase impossível, até porque a vida que temos influencia em muito a nossa alimentação. E a minha alimentação está a correr o sério risco de se descontrolar!

Por exemplo, esta noite fiz um “lanchinho” por volta das 3 da manhã. Como é que eu, que digo não ter fome nocturna, explico isto sem contar o que se passa? Pois…

A minha avó caiu no Domingo à noite, tive que a levar ao hospital. Não havia ortopedista de serviço, foi transferida para Braga. Em Braga foi complicado: uma sala de espera sobreaquecida e a água esgotada. Por volta da uma da manhã, desisti de lutar e bebi uma cola, caso contrário morreria de sede!

Estas noites têm sido complicadas, como o meu sono é muito leve, sou sempre a primeira a acordar quando a minha avó chama. Ou o Diogo, o meu cão, me vem chamar. Ele sabe que a avó não pode andar de pé durante a noite!

Esta noite tive que me levantar para a levar à casa de banho (usa fralda, mas recusa-se a fazer xixi nelas). Depois, fui verificar a botija de água quente, essas coisas. Quando voltei para a cama, senti fome. Acabei por comer meio pão com queijo magro e uma chávena de cevada. Por volta das seis, quando a fui ver novamente, passei pela cozinha e meti à boca um quadrado de chocolate.

Se eu não acordasse durante a noite, não teria comido umas 300 calorias extra! Pior: às sete da manhã senti-me incapaz de me levantar para ir caminhar… virei para o lado e dormi até às 8…

De modo que hoje tomei algumas decisões: deixar chá feito no termos (ok, admito, lá em casa temos um grave problema com termos…) e 2 bolachas Maria à vista. O chocolate vai ser atirado para a prateleira mais alta da cozinha, nada de estar ali em cima do micro-ondas.

Quanto às caminhadas: tenho aproveitado a hora do almoço para fazer cerca de 40 minutos de caminhada, mas confesso que vou deitando olho às montras… há que apressar o passo!
Adenda: a minha avó partiu a clavícula, por isso tem um braço imobilizado e depende tanto de nós. Daqui a um mês estará óptima :)

11 comentários:

Gordinha disse...

QUe bom que sua avó tem você para cuidar dela! E que cachorro esperto o seu, heim! O Diogo, heheheh

Agora, o que mais me chama atenção na sua história de comilança noturna é!!!! Você volta a dormir com o dente sujo?

De noite eu no máximo tomo água de preguiça de ter que escovar os dentes de novo!

heheheh Mas gostei da estratégia de deixar coisas legais a vista e esconder o chocolate! Muito sábio =P

Beijão!!!!!!!

Papoila disse...

Mulheri, vou tão cheia de sono q nem lavo os dentes. Aliás, como não costumo comer durante a noite, acho que nem me passa pela cabeça ensonada ir lavá-los. Mas acordo com a sensação de que comi papel de jornal, é um facto! E mal disposta, diga-se de passagem.

Sei lá, acho que sou estranha: nunca tenho sono pesado mas tb não estou completamente acordada. É assim tipo zombie, topas?

Gordinha disse...

ehehehe

Então! Eu não achei que você tinha achado, mas teve um outro comentário que estava com uma cara de dúvida de verdade! Será que fui longe demais??? Nunca se sabe nesse mundo o que é que as pessoas realemnte pensam! Também já tirei! Eu heim.... O.O ehehheheeh

Beijão! (eu também não gosto de dormir de dente sujo por conta do gosto de jornal)

disse...

HAHAHAHAHAHAHAHA

Papoila e Gordinha, quem disse que vcs não gostam do praia? Afinal só faltou rolar um frango com farofa aqui no meu blog, hehehe. E eu moro na praia hahaha. Mas pelo menos no blog não tem areia, sal, sol e bichos rastejantes. Adorei a festinha por aqui. Agora vou ler os posts de vcs e comento de novo. Bjs e voltem sempre!! Zá

disse...

Voltei. Não tem jeito de não descontrolarmos um pouco, mais ou menos ou muito a alimentação quando estamos com problemas ou estressadas ou simplesmente desorganizadas por conta de transtornos à nossa volta. O próprio sono se altera e creio que até o metabolismo fica mais rápido. Se for algo rápido posso afirmar com certeza que o peso não se altera (no meu caso até cai). O problema é se arrastar e juntar com outras coisas. Aí é bola de neve mesmo (ou será bola de banha?). Tente retornar aos trilhos logo que a balança perdoa. E estimo melhoras à sua avozinha, tá? Bjs. Zá

AnaLua disse...

oi!!!
so para desejar as melhoras da tua avo!
n te preocupes em demasia com essas comidas de noite, pl k kontas deves gasta-las dte o dia, tratar de outra pessoa keima mta coisa:P
jinhos

Ana Sofia disse...

Oi papoila, ixo são situações excepcionais!
è obvio k s fores forçada a acordar à noite, mm que meio zombie, o teu organismo está "acordado". É normal k sintas fome! E é claro k dp d uma noit acordada, sntirás mt dificuldade em acordar cedo p caminhar! Axo k exe pcado é justificavel, apesar de k lá plo facto d haver uma justificação n tnhas k evita k aconteça mais xs. Tal cm a Crazy Cat Lady m dixe a mim uma x em k m acnteceu algo semnlhante, xprimnta comer um keijo fresco, k sacia e é só proteína.
As mlhoras da tua avó!

disse...

Oi Pápis, obrigada pelas palavras e creio que há de tudo um pouco do que vc falou, mas principalmente contar com amigas "do nosso porte" é uma ajuda prá lá de boa. No entanto me recordei do livro Sugar Blues que li há algum tempo que talvez explique tb um pouco da "reação química" do sorvete no meu corpo e na minha psique. Pode ter sido uma reação de causa e efeito agravada pela "culpa" que sempre vamos sentir, podendo ou não comer determinados alimentos (ou anti-alimentos como mencionam no livro). Enfim, temos que estar sempre a aprender. Beijos e boa quinta. Zá

sarapatica disse...

hi hi hi....andas a atacar durante a noite....mas prontos, está explicadinho...mas não faças isso durante este mês de recuperação da avó!!! A quem desejo as melhoras....e o médico k atendeu a avó era fiche??? Tenho um primo ortopedista no hospital de Braga, seria ele?? Joquinhas...

ximiusa disse...

bem, realmente mesmo acordando durant a noite nao entendo esse apetite, a n ser k seja o inconsciente, lol
como és obrigada a acordar a meio d uma qualque fase do sono acabas p fazer pura e simplesment o k o corpo ker, pois n tens a consciencia em modo d alerta. mas ja tens os trukes preparados, parece-me mto bem!
kto a vóvó, so m resta desejar as melhoras!

Muffin de Chocolate disse...

Olha Zombie, nada como mudar o poleiro ao chocolate e colocar lá as Maria, que são tuas amigas e nunca dá vontade de comer mais do que três ( pelo menos a mim não...mas se fossem umas oreo...ahaha). Pareço mesmo uma gorda a "falar", obcecada pela comida. Bate-me, por favor. Manda-me calar. Rápido.

O teu cão, o Diogo, parece-me ser assim um SUPER CÃO! Oh mostra o canídeo, pleaseeee!!! Só uma foto! Se já publicaste alguma peço desculpa não me lembro. Sério...

É natural que depois de andares a noite toda armada em zombie não queiras andar a pé...

As melhoras para a tua avó e ainda bem que ela tem uma família que trata dela com carinho.

Beijos, Sandra